Pular para o conteúdo principal

Ajax ASP .NET

Em determinado sites somos surpreendidos por certas funcionalidades que prendem nossa atenção, certas vezes mais até que o próprio conteúdo, como efeitos modais para confirmação, máscaras de dados, calendários dinâmicos, refreshs localizados entre outras coisas.
Não é novidade que todas essas coisas geralmente são fruto da utilização de ajax, e para quem usa o Visual Studio existe um Framework muito bom, simples de instalar e fácil de usar, estou falando do ASP .NET AJAX. Por enquanto deixarei apenas um breve tutorial de como instalar e os links para download, e em breve alguns exemplos de uso práticos.

  • Para baixar você visita o CodePlex ou diretamente por aqui (eu recomendo o NoSource), depois de baixar é só descompactar o arquivo;

  • A instalação é simples, com seu site já criado crie uma nova aba na ToolBox (clicando com o direito e selecionando Add Tab), com a aba criada clique com o direito nela e escolha Choose Items, na tela que se abrir clique em Browse e procure pela pasta onde você descompactou o arquivo baixado, em SampleWebSite/bin você deve escolher AjaxControlToolkit.dll, agora é só confirmar, aguardar a instalação e usar;
Para maiores informações sobre a instalação visite esta página.
Eu recomendo a todos verificar o funcionamento dos exemplos aqui, é realmente interessante, um abraço e até a próxima.

Comentários

  1. Oi vim agradecer suas visitas!

    Tenho visto que vc vai no Múltiplas com uma certa freqüência, espero que vc esteja gostando.

    Volte sempre!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado por Participar do programero, fique a vontade para agradecer, retificar, perguntar ou sugerir.

Postagens mais visitadas deste blog

Iniciar e Parar Serviços do Windows (Delphi)

Em certas ocasiões nos deparamos com a necessidade de manipular determinadas atividades do SO, como iniciar ou parar um banco de dados, ou qualquer outro serviço que esteja funcionando no momento. Segue abaixo um código que encontrei na Internet para tal finalidade (não me recordo à fonte, assim que eu a encontrar colocarei).
Iniciar Serviço:

uses WinSvc;
//
// start service
//
// return TRUE if successful
//
// sMachine:
//   machine name, ie: \SERVER
//   empty = local machine
//
// sService
//   service name, ie: Alerter
//
function ServiceStart(
  sMachine,
  sService : string ) : boolean;
var
//
  // service control
  // manager handle
  schm,
//
  // service handle
  schs   : SC_Handle;
//
  // service status
  ss     : TServiceStatus;
//
  // temp char pointer
  psTemp : PChar;
//
  // check point
  dwChkP : DWord;
begin
  ss.dwCurrentState := -1;
// connect to the service
  // contr…

Funções de Data e Hora (Delphi)

É muito comum nos depararmos no dia a dia com a necessidade de manipular datas e horas, seja para um calculo de permanência, dias de atraso enfim, é praticamente escapar de alguma situação que necessite desse tipo de controle.
Assim como a necessidade e se utilizar algum recurso para manipular as datas e horas de alguma maneira e freqüente, as duvidas de como o faze-lo também é, basta um breve olhar em qualquer fórum especializado e lá está, alguma duvida relacionada, por isso decidi falar um pouco sobre uma unit muito poderosa chamada DateUtils para a manipulação de data e hora, com um grande numero de métodos e classes que facilitam a vida de qualquer um.


Alguns exemplos: CompareDate(constA, B: TDateTime): TValueRelationship;Compara apenas a data de dois valores (do tipo TDateTime) retornando:
LessThanValue O primeiro valor é menor que o segundo
EqualsValue Os valores são iguais
GreaterThanValue O primeiro valor é maior que o segundo CompareDateTime(const A, B: TDateTime): TV…

Manipular arquivos com PL/SQL (Oracle)

O bom e velho arquivo, é impressionante como lidamos com seus vários tipos durante todos os dias, bom hoje vamos mostrar um jeito simples de se escrever e ler arquivos apenas com a codificação nativa do Oracle.A primeira coisa a fazer é criar um diretório válido configurado no Oracle, e permissões de acesso a esse diretório para o usuário de banco onde faremos o exemplo, sendo assim suponhamos que nosso usuário de banco se chame programero, e nosso diretório real esteja em c:\programero, então logado como SYSTEM devemos executar os seguintes comandos: 1: -- cria diretorio
2: createor replace directory DIR_PROGRAMERO as 'C:\PROGRAMERO';
3: -- concede permissão de escrita e leitura para nosso usuário
4: grantread, writeon directory DIR_PROGRAMERO to PROGRAMERO;
Para escrever, basicamente precisamos apenas saber onde esse arquivo ficará, no nosso caso no diretório criado acima, segue o código de escrita:
1: declare
2: -- nosso handler
3: v_arq utl_file.file_typ…